Drive Thru RPG

Filhos do Éter

06/01/2012

A verdadeira Ciência não vem de laboratórios estéreis,
e sim da centelha de imaginação!

Os Filhos do Éter são uma Tradição de magos que veio da Tecnocracia – situação compartilhada pelos Adeptos da Virtualidade. São conhecidos por suas invenções altamente personalizadas, que pode variar de mera fantasia, passando pelo estranho e chegando até mesmo ao atroz (como é o caso de muitos Cientistas Loucos). Sua crença é que o universo é muito vasto para a prevalência de qualquer equação única, portanto, nenhuma teoria científica está totalmente errada. Este espírito de aventura e a vontade de se jogar no desconhecido são os maiores responsáveis por sua saída da Tecnocracia, para não mencionar a proclamação de que o Éter era apenas ficção.

A chave para o paradigma dos Eterinos é a Ciência (a palavra é sempre escrita com letra maiúscula para distinguir da ciência dos Adormecidos). Teorias exóticas de campos de orgone, câmaras de hipercombustão e matrizes de transmissão etérica permite que os Eterinos criem dispositivos ainda mais estranhos e maravilhosos. Sua Ciência muitas vezes tem um toque barroco, como se tivesse saltado das páginas de literatura de HQ ou de ficção científica vitoriana – raios da morte, servos robóticos construídos de bronze e que funcionam à base de corda e veículos fantásticos espaciais ou aquáticos surgem na mente quando os outros discutem os Filhos do Éter.

As bases da fundação dos Filhos do Éter começam na Idade das Trevas, quando um comerciante italiano encontrou parte de um livro chamado Kitab al-Alacir, o Livro do Éter, escrito em árabe, e um texto sobre a ciência mística que mantinha o mundo unido. Dentro da Ordem de Hermes, ele fundou a Casa Golo, dentro da Casa Ex Miscellanea, que logo se separou da Ordem. O mago Golo logo encontrou um cavaleiro francês, Simon de Laurent, que tinha a outra metade do Kitab al-Alacir, e juntos, Golo e Laurent formaram a Guilda dos Filósofos Naturais.

Compre o Tradition Book Sons of Ether First Edition

Como os artesãos e os cientistas descobriram uns aos outros, eles formaram a Ordem da Razão. Quando a Guilda dos Filósofos Naturais se desfez durante o Renascimento, seus membros se juntaram a uma ou outra Convenção. Muitos deles se juntaram na Ordem Voltaica. Quando a Ordem da Razão foi reordenada para melhor combater os monstros da escuridão, a Ordem Voltaica se transformou em Engenheiros Eletrodinâmicos. Durante todo este tempo, os cientistas nunca perderam a fé em seus propósitos originais: a Ciência tornará o mundo mais seguro para todos.

Os Engenheiros Eletrodinâmicos encontrou-se em desacordo com muitos elementos dentro da nova Ordem, agora União Tecnocrata; os Engenheiros viram muitas de suas invenções transformando-se em meio de guerras e de atrocidades, ou banidas por completo, porque os “maiorais” da União não acreditam que o homem poderia lidar com elas. Este foi o primeiro indício que os Engenheiros tinham sobre a mudança a que os outros tinham se submetido: os Engenheiros não tinham perdido seu otimismo, enquanto o resto das Convenções consideravam-se em estado de guerra. A rejeição do Éter, o componente mítico que foi a base dos Engenheiros, foi a gota d’água. Os Engenheiros Eletrodinâmicos seguiram suas próprias cabeças e espicharam suas antenas para as Tradições, para ver se eles poderiam abrigar a Convenção prestes a ser renegada. A Ordem de Hermes patrocinou os Engenheiros, que deixou a União Tecnocrática em massa e assumiu a Cadeira da Matéria das Tradições, tornando-se os Filhos do Éter.

Devido ao seu histórico, muitas Tradições não acham os Filhos do Éter confiáveis, e os Filhos do Éter são determinados a mostrar a sua lealdade. Parte da razão de suspeitas era que os Filhos do Éter ainda eram Cientistas, não magos; eles usavam os métodos da Tecnocracia, e mantinham contato com aspectos da União. Isto viria a calhar mais tarde, quando os Filhos do Éter foram fundamentais no convencimento dos Adeptos da Virtualidade, então Engenheiros do Diferencial, a deixar a Tecnocracia e se juntar às Tradições após a II Guerra Mundial.

Compre o Tradition Book Sons of Ether Revised

Facções

Paradigma e Outros Artigos

Habilidades

Vantagens

Talismãs

Música

Contos

Resenhista: Eva

Sobre Eva

Tradutora, revisora, escritora e sonhadora. Anarcafeminista em constante estado de amor e horror com o mundo. Editora no Livro dos Espelhos.

Ver mais artigos de