Apadrinhe o Livro dos Espelhos!

Convenção Tecnocrata: Engenheiros do Vácuo

27/04/2012

Conhecer traz o poder, essa é a lógica da Convenção Engenheiros do Vácuo, os Desbravadores do oculto. É a Convenção Tecnocrata especializada em mapear e fazer relatórios a respeito de todas as terras, estranhas ou nem tão estranhas ao conhecimento humano.

Muitas vezes vistos como guardiões da Película, os Engenheiros do Vácuo são inspirados pelo mesmo sentimento dos antigos desbravadores: conhecer e nomear terras nunca antes conhecidas ou visitadas, além de, é claro, garantir que a mesma não caia na mão de nenhum grupo inimigo ou indesejável para a União.

Seu trabalho em terra hoje é muito pouco executado, já que os territórios desconhecidos em nosso mundo estão praticamente extintos. Nos dias atuais, concentram suas forças no Universo Profundo, mesmo depois de conturbados acontecimentos que parecem interferir na tecnologia levada que fazem com que as naves apresentem defeitos em suas estruturas e dificulte o trabalho da Convenção.

Compre o Guide to the Technocracy

Os membros que permanecem em terra são responsáveis pelo recrutamento de novos membros, planejamento e reabastecimento das excursões em funcionamento, compartilhamento de seus conhecimentos a respeito das Ciências Dimensionais com toda a União além de explorar as profundezas do oceano e vigiar a Teia Digital, território bastante conturbado pela presença de Transgressores da Realidade.

Apesar de serem bem estruturados, esses mapeadores do universo não apresentam a rigidez que imaginamos que tenham. Seus trabalhos de campo parecem ter uma maior liberdade de pesquisa do que as demais Convenções Tecnocratas. Obviamente há posições de controle e liderança, mas isso não chega a oprimir planos a serem traçados. Membros Iluminados e não-Iluminados trabalham em conjunto por um só ideal, sem grandes diferenciações.

Com o pensamento de que a Terra é pequena demais para a humanidade, os Engenheiros Do Vácuo buscam disseminar a exploração nos mais diversos âmbitos para condicionar a humanidade aos poucos a enxergar que não existem limites para onde devemos estar ou para aonde devemos ir. A Convenção tem uma maior liberdade interna e um trabalho interminável pela frente.

Metodologias

Compre o Technocracy: Void Engineers

A Convenção tem o maior número de Metodologias e sub-ramos. Isso se deve a seus diversos campos específicos que tem como dever explorar todo um Universo.

Divisão de Batalhões de Fronteira – responsável pela patrulha da Película.
Divisão das Fronteiras Terrestres – mapeia as poucas áreas inexploradas restantes na Terra.
Equipes de Exploração Aquática – mapeiam o fundo do mar e frequentemente se deparam com os mais diversos tipos de monstros oceânicos (por vezes monstros fantásticos).
Especialistas Criogênicos – realizam pesquisas na Antártida.
Analistas de Mosaicos Botânicos Hidrotérmicos – exploram as florestas tropicais
Equipe de Exploração de Altas Elevações Inacessíveis – responsável pelo mapeamento dos topos das montanhas.
Batalhão de Exploração Subterrânea – responsável pelo aprofundamento das explorações a níveis subterrâneos, chegando às mais remotas áreas de planetas.
Tropa de Especialistas em Neutralização – trabalha junto com a NOM para eliminar entidades que não são desejadas pelo Paradigma Tecnocrata.
Agência de Execução de Treinamento e Condicionamento – responsável pelo condicionamento de segurança no pessoal de fronteira espacial.
Departamento de Avaliação e Manutenção Psicológica – responsável por cuidar dos membros da Convenção e aliados levados à loucura pela exposição ao Universo Profundo.
Corporação Pan-Dimensional – responsável por explorar o universo no além Película, a maior de todas as metodologias.
Pesquisa & Execução – responsável pelo desenvolvimento de novas tecnologias para os Engenheiros do Vácuo.

Fonte: Guia da Tecnocracia
Resenha: Vivas
Revisão: Eva

Sobre Colaboração

Artigos publicados por leitores ou ex-autores do blog, que gentilmente colaboraram conosco ao longo dos anos. Artigos de opinião não necessariamente expressam a opinião das autoras do blog; traduções e resenhas têm suas informações checadas.

Ver mais artigos de