Drive Thru RPG

Metaplot da 2ª Edição de Mago: A Ascensão – Parte 2

19/09/2012

Depois de um tempo, retomo os posts com o metaplot de Mago: A Ascensão. A partir da 2ª Edição, Mago está melhor integrado enquanto cenário aos demais títulos do Clássico Mundo das Trevas, então para acompanhar o que acontece, precisa-se ir e voltar em diferentes livros. Para escrever o post, recorri a livros, Internet, amigos que entendem mais do cenário do que eu, listas de discussões, wikis e mais um monte de lugares.

Algumas pessoas pediram para que eu escrevesse sobre o metaplot de outros títulos, mas não acredito que eu consiga, a curto ou médio prazo, fazer algo do tipo. Nunca fui tão absurdamente a fundo nos outros títulos do cenário, e eu confesso minha total incapacidade de fazer uma pesquisa assim e fazer algo correto. Caso alguém queira se arriscar, é só entrar em contato que a gente vê o que rola fazer.

Caso encontrem alguma inconsistência nos livros indicados como referência, favor informar – eu não sou uma biblioteca ambulante e cometo uma pá de erros :p

Caso você não tenha visto, dê uma olhada no metaplot da 1ª Edição e na primeira parte do metaplot da 2ª Edição.

Como aconteceu MUITA coisa na 2ª Edição, desculpem, mas vou precisar de mais um post ou dois pra tratar melhor da ligação do metaplot de Mago com os demais títulos da série.

Segunda Edição – A Queda dos Paraísos

… ou aquela época em que as pessoas acreditavam no Bug do Milênio, os clubbers começavam a sumir,  os mais antenados já sabiam o que era Rammstein e o céu desabava

Um clone do Solificati traidor da primeira cabala do Conselho escapa do laboratório do Progenitor, que acaba com a carreira destruída, e desaparece. A derrocada do Progenitor não respinga em seu assistente Chain [The Road to Hell]

O clone de Heylel Theomin Thoabath, o Traidor, começa a recrutar jovens magos que o apoiem, dizendo que a liderança do Conselho ignora a realidade, enquanto fica no seu porto seguro no Horizonte, e os chama a ir até lá tirar satisfação. Como o Conselho sempre ignorou, como um todo, os Vazios, e os esforços de reforma do Porthos falharam, o clone encontra vários seguidores [The Ascension Warrior e Orphan’s Survival Guide]

Com a chegada do grupo do clone, uma batalha se inicia, matando metade dos líderes do Conselho dos Nove, embora ninguém saiba dizer quem realmente morreu, mas o Conselheiro da Ordem de Hermes é transformado em uma estátua de ouro maciço [War in Heaven e Orphan’s Survival Guide]

O Vinculum da Sala do Conselho é destruído, a Décima Cadeira some e as Tradições entram num caos absoluto. O clone aparentemente acaba morrendo, mas seu principal tenente, um Vazio, escapa da confusão, enquanto os que sobram do grupo dos atacantes morre nas mãos dos sobreviventes furiosos do Horizonte [War in Heaven]

Enquanto tudo isso acontece, a pressão em Doissetep chega em seu ponto crítico, quando dois antigos Herméticos tentam se matar. Para conter a explosão causada pelos combatentes, Porthos se sacrifica e Doissetep cai [War in Heaven]

Com a Destruição de Doissetep, uma onda de choque percorre o Reino de Forças e atinge a Teia Digital, que passa por uma espécie de Branqueamento nunca antes vista, matando todos o que estavam na Teia fisicamente e causando um tipo de lobotomia nos que estavam conectados de outras formas. Imediatamente os Adeptos iniciam a reconstrução, porém, os mais jovens acreditam que os mais velhos de sua Tradição causaram a destruição, o que torna a convivência entre os antigamente unidos membros dos Adeptos insuportável [Digital Web 2.0 e Tradition Book: Virtual Adepts Revised]

Com a reconstrução da Teia Digital, Tecnocratas e Adormecidos se igualam em capacidade e quantidade aos Adeptos da Virtualidade na Teia Digital. Os magos mais velhos dos Adeptos tentam controlar, de alguma forma, o acesso das pessoas à Teia, principalmente Adormecidos, enfurecendo os membros mais jovens da Tradição, que acabam empurrando o Dante para a liderança [Digital Web 2.0 e Technomancer’s Toybox]

Apesar de sua reconstrução, muitos sectors da Teia Digital parecem cemitérios online, com fragmentos de almas e avatares atingidos durante o choque de retorno – em compensação, prontos pra serem formatados. Com a falha da Teia, Adeptos começam a se voltar novamente para a Realidade 1.0, insuportável porém muito mais estável, e o Grande Plano é inteiro repensado [Tradition Book: Virtual Adepts Revised]

Artigo anterior: Metaplot da 2a Edição de Mago: A Ascensão – Parte 1 >
Próximo artigo: Metaplot da 2a Edição de Mago: A Ascensão – Parte 3 (em breve)

Fontes: diversas (livros, Internet, wikis, fóruns, amigos]
Organizadora: Eva

Sobre Eva

Escritora, tradutora e revisora, macumbeira feminista, maga da Ordem do Dado, colaboradora da Dragão Brasil, Oráculo do Livro dos Espelhos e editora da Aster Editora.

Ver mais artigos de