Drive Thru RPG

Títulos dos Vampiros do Sabá

11/09/2012

O Sabá dá muita ênfase ao decoro e aos rituais, ainda que de uma forma própria e especial. Usando uma prática similar a de “outras” ordens religiosas, a seita adotou um conjunto de títulos para indicar a posição de cada soldado dentro do “exército”. Esses títulos são muitas vezes honorários, mas alguns vampiros mais vaidosos da seita reivindicam títulos que vão muito além de suas realizações.

Veremos, a seguir, alguns dos títulos usados pela seita, assim como a forma correta de se dirigir àqueles que os possuem. Embora essas denominações sejam universalmente masculinas, a forma respeitosa normalmente reflete o sexo do portador do título – o feminino é dado entre parênteses, nos casos em que difere do masculino. Jogadores e Narradores são encorajados a criarem também seus próprios títulos – com certeza é mais memorável encontrar-se com o Vigário do Pacto Encarnado do que se deparar com o sacerdote de mais um bando sem nome.

Título Títulos Similares Forma Respeitosa
Regente Nenhum Vossa Ilustríssima Excelência
Cardeal (sempre associado a uma região específica) Senhor(a) Supremo(a) Sua Eminência
Priscus Grande Mestre(a), Monsenhor Reverendíssimo(a) Senhor(a)
Arcebispo (sempre associado a uma região específica) Arcediago, Padre (Madre) Superior(a) Sua Excelência
Bispo (sempre associado a uma região específica) Diácono, Padre (Madre) Superior(a) Sua Excelência
Templário/Paladino Senhor(a) Senhor(a)
Ductus Senhor(a), Sargento, Chefe Pelo título
Sacerdote Padre (Madre), Mestre(a), Pastor Reverendo(a) Senhor(a)
Membro de Bando Nenhum Nenhum, mas às vezes usa-se irmão (irmã)

 

Muitos membros mais jovens do Sabá desprezam o uso de títulos e honoríficos, vendo-os como relíquias ultrapassadas das antigas noites da aristocracia. De fato, alguns dos anciões mais radicais da seita concordam com eles – se o Sabá se opõe à opressão dos anciões, como pode, em sã consciência, se apegar a alcunhas que implicam em uma distinção? Independente disso, quase todos os integrantes da seita conhecem os títulos e as formas corretas de se dirigir aos seus detentores – ignorá-los significa correr o risco de se envergonhar… ou coisa pior.

Fonte: Guia do Sabá 3a Edição – página 30
Revisora: Eva

Sobre Eva

Escritora, tradutora e revisora, bruxa feminista, maga da Dragão Brasil, Oráculo do Livro dos Espelhos e editora da Aster Editora.

Ver mais artigos de