Drive Thru RPG

Clã Giovanni – Vampiro 20 Anos

11/06/2012

“Não compreende a situação se pensa que você vivo é valioso para mim.”

Alcançando a proeminência durante a Renascença Veneziana, a família Giovanni construiu sua fortuna na ascensão da classe média, nos lucros imediatos do sistema bancário e no comércio no Mediterrâneo (e as empreitadas criminais adjuntas). Entretanto, com a ascensão da família vem a húbris e como todo paterfamilias deseja mais poder, com essa húbris vem o horror. Com seu poder terreno no ápice, Augustus Giovanni se voltou para a arte de controlar os mortos, e fazendo isso, ganhou o Abraço de um Antidiluviano esquecido. Com um conclave de conspiradores, os Giovanni mergulharam um agora esquecido Clã no limbo e construiram seu próprio legado sobre seu cadáver.

Compre a edição de 20 anos de Vampiro: A Máscara

Desde essas primeiras noites, os Giovanni não aceitaram limites para suas ambições, apesar da oposição dos outros Membros e sua bem merecida reputação de “Membros Demoníacos”. Eles estudaram artes proibidas, se tornando formidáveis na nigrimancia que permitiu a eles o poder sobre os espíritos dos que partiram, e a degeneração que se segue ao despertar de um ritual impuro. Nessas noites os Giovanni são conhecidos pela natureza insular do Clã e suas práticas incestuosas para populá-lo. Algumas poucas famílias e facções estão sob os auspícios dos Giovanni, mas a maioria do Clã vem de sua família mortal. A família se mantém próspera apesar de seus temíveis pecadilhos, e angariou um vasto poder através do crime, da política e de segredos dos mortos, que os mantém em sua posição de opulência. De um ponto de vista público, os Giovanni dão um grande show de humildade e respeito. Parte dessa gentileza é um hábito de séculos, desde quando os outros Clãs caçavam os necromânticos usurpadores (e para preservar sua neutralidade no conflito SabáCamarilla). Outra parte desse embuste é a luva de veludo que esconde o punho de ferro de sua natureza, notável por forçar fantasmas, mentes e corpos a se curvar às suas necessidades. Tanto Príncipes quanto Arcebispos devem favores aos Giovanni, e se alguém tem algo a oferecer, provavelmente receberá seu patrocínio.

Em sua maioria os Giovanni tem pouca participação na Jyhad, perseguindo sua própria meta de cultivar a riqueza e construir uma fundação de poder nas terras além do véu da morte. Outros Membros raramente compreendem as metas dos Necromantes, mas poucos que cairam nas graças dos Giovanni sabem que eles querem mergulhar o mundo em um estado em que os vivos e os mortos se misturam. E com a sua maestria da Necromancia, os Giovanni estarão em posição de governar a todos.

Apelido: Necromantes

Compre o Clan Book Giovanni First Edition

Aparência: Externamente, os Giovanni se vestem com classe e sutileza. Grande parte do Clã vem originalmente de sua família mortal e não detém apenas feições italianas, mas muito de suas características familiares herdadas. Aqueles de fora da família geralmente são de “um tipo”, e se vestem tradicionalmente com roupas da ramificação regional da família.

Refúgio: A riqueza da família Giovanni é evidente em seus refúgios, que podem tomar a forma de vilas ou de extensas mansões. Os Necromantes geralmente investem em galerias de arte e demonstrativos de joias em seus refúgios. Muitos Giovanni também mantém um refúgio secundário, onde possam elaborar suas criptas necromanticas ou apartamentos onde possam apenas se esconder.

Antecedentes: Os Giovanni do principal ramo da família geralmente passam um bom tempo como carniçais em um período chamado Proximidade do Beijo. Nesse período, o futuro Membro aprende sobre a traiçoeira e invejosa realidade da família vampírica. Ele aprende o que é ambição e uma insalubre dose de duplicidade, em adição aos costumes e tradições da família. Os Giovanni raramente vêem o mundo exterior em seus termos durante o período da Proximidade do Beijo, e geralmente se tornam insulares e alienados, enquanto anseiam por se destacar dentre os carniçais de outras famílias.

Criação de Personagem: Vampiros Giovanni normalmente têm Comportamentos introvertidos e profissionais que escondem suas desagradáveis Naturezas distorcidas em sua educação. Atributos Mentais e Sociais geralmente são Primários, apesar de alguns “soldados” da família preferirem os Atributos Físicos. Ênfase em Conhecimentos ou Talentos, dependendo da propensão do Membro. Uma parte do Clã favorece aqueles que adotam os Antecedentes (particularmente aqueles ligados à riqueza e à influência externa), divergindo dos que perseguem as Disciplinas proibidas. Poucos Giovanni são descritos como “faz-tudo”.

Disciplinas de Clã: Dominação, Necromancia, Potência

Compre o Clan Book Giovanni Revised

Fraqueza: O Beijo de um Giovanni causa dor excruciante em receptáculos mortais que o recebem. Se um Giovanni não for cuidadoso sua vítima pode morrer de choque e agonia antes de ser drenado. Quando um Giovanni se alimenta de um mortal, ele causa o dobro do dano que o Beijo de um outro Membro. Por exemplo, se um Giovanni toma um ponto de sangue de uma vítima, ela sofrerá dois pontos de dano em sua vitalidade. Como resultado, os Giovanni apelam para bancos de sangue e outros meios para se alimentar que não cause tanta luta.

Organização: Como poucos Clãs os Necromantes tem uma organização piramidal, onde sua pilítica é feita pelo (presumidamente) ainda ativo progenitor do Clã, Augustus. A família mantém um enorme palácio conhecido como o Mausoléu em Veneza, onde anciões e recém criados dançam conforme a vontade de seus mestres. A estrutura do Clã é basicamente familiar, com a adição das complicações que a degeneração e vampirismo oferecem. Incesto, adoração ancestral, necrofilia, cultos de culpa e relações bizarras em que pais e avós são o próprio problema de suas crias compõem o lamaçal do Clã e família, e estilhaça muitos Giovanni mesmo antes de se tornarem Membros.

Fonte:  Vampire: The Masquerade – 20th Anniversary Edition – páginas 56 e 57
Tradução: Max
Revisão: Eva

Sobre Colaboração

Artigos publicados por leitores ou ex-autores do blog, que gentilmente colaboraram conosco ao longo dos anos. Artigos de opinião não necessariamente expressam a opinião das autoras do blog; traduções e resenhas têm suas informações checadas.

Ver mais artigos de