Apadrinhe o Livro dos Espelhos!

A Teia Digital – Mago: A Ascensão

01/12/2012

A Teia Digital é um dos campos de guerra mais movimentados de Mago: A Ascensão. Tanto o Conselho quanto a Tecnocracia, os Nefandi e os Desauridos possuem lugar aqui (juntamente de vampiros, lobisomens, e sabe-se mais que tipo de criatura!) A visão desse artigo reflete a Teia Digital da Segunda Edição de Mago: A Ascensão, antes dos acontecimentos da Edição Revisada.

O que é a Teia Digital?

A Teia Digital, ou Digital Web, é um mundo inteiro contido dentro do universo virtual. Descoberto (ou criado, dependendo de quem conta) por Turing e seus Adeptos da Virtualidade com a ajuda dos Filhos do Éter, esse reino curioso tem possibilidades infinitas. Pode-se criar Setores inteiramente novos a partir de uma ideia, explorar, partilhar informação, ou simplesmente jogar o tempo fora. Não que não haja perigo – como a Realidade, a Teia é um universo em contestação. Uma luta permanente pelo controle de suas partes se desenrola entre as Convenções, Tradições e outros grupos.

Onde Ela Fica?

Segundo alguns, no lugar onde as conversas telefônicas acontecem. Segundo outros, sobre os destroços de uma antiga montanha chamada Monte Qaf, e segundo outros ainda, é uma pergunta boba. Por que você se preocuparia com ONDE ela está, se pode ser acessada de qualquer parte?

Como Se Chega Lá?

Para acessar a Teia de forma Desperta, existem três possibilidades. O primeiro é o acesso sensorial, através do uso de um computador com acesso à Internet, óculos de realidade virtual e eletrodos que retransmitem os sinais até o cérebro. Esse acesso é tão simples que mesmo Adormecidos podem utilizar – ainda que acreditem que tudo o que veem é uma simulação extremamente realista. Tapear os sentidos dessa forma é possível, mas não permite grandes interações com a Digital Web.

A Imersão Astral é um método diferente que requer mágika de Correspondência e um traje completo de realidade virtual. O mago não está realmente na Teia, mas seus sentidos são enviados de forma tão profunda que se torna muito mais simples interagir com o mundo virtual. No entanto, esse método deixa o corpo do mago adormecido (e desprotegido) em algum lugar, enquanto sua mente vaga online. Magos acessando a Teia dessa forma buscam proteger seus refúgios da melhor forma possível para não serem pegos desprevenidos.

Compre o Digital Web

O terceiro método é o holístico, e depende da entrada do mago através da Umbra, seja através de uma jornada astral com o uso de Mente, ou usando um efeito de Espírito e indo pessoalmente até lá, viajando fisicamente. A partir da Umbra, o viajante deve localizar um portal para o Cyber Reino, e atravessá-lo.

O último método é uma digitalização de si mesmo. A partir de uma porta para a Teia já aberta com um Efeito de Correspondência, o mago pode conjugar Esferas como Correspondência, Vida e Espírito para entrar lá fisicamente. Variações entre Esferas são possíveis, uma vez que magos são um tanto quanto criativos.

Moreno alto, bonito e sensual

Uma vantagem de estar online é poder parecer com o que se quiser. Viajantes na Teia que estejam acessando de forma sensorial ou imersão podem formar um Ícone, uma imagem virtual de si próprios, para interagir com o resto da Teia. O processo não é difícil, e dependendo da habilidade do usuário, criações inimagináveis podem ser feitas. Encontrar dragões bebedores de cerveja, anjos de asas emplumadas e seres verdes de 10 centímetros de altura não é algo difícil. O que também torna bem mais difícil de impressionar alguém online, sem abrir a boca.

Talvez seja uma imensa vantagem da Teia: proporcionar a chance de mostrar quem se é por dentro, a capacidade da própria mente. Uma mente forte é capaz de coisas incríveis dentro desse reino… Força bruta nem sempre é a resposta, crianças! :P

Setores, grids e como explorar um mundo novo

A Teia é dividida em setores, lugares que seguem regras criadas por seus idealizadores. Muitos desses lugares são de acesso livre, embora alguns requeiram senhas, afiliações específicas ou o Ícone certo. Encontrar Teia Virgem (não formatada) é uma chance de ouro, o que torna o processo de formatação bem mais simples que a necessidade de reformatar um setor pré-existente. Quando um setor é formado, as intenções, pensamentos e a própria natureza de seu idealizador se imprimem, tornando aquele lugar único, e extremamente revelador se observador por alguém realmente atento (embora um pedaço de Teia não virgem, ao ser formatada, conservará algo de sua ressonância anterior, o que pode ir do curioso ao surreal – ou bizarro).

Compre o Digital Web 2.0

Muitos setores são públicos. Bibliotecas, espaços para jogos, bares, salas de bate-papo e lugares para negócios. No entanto, isso não significa que o acesso seja livre e irrestrito. O dono de um setor pode decidir permitir a entrada de alguém apenas mediante senha, ou possuindo um Ícone que seja condizente com a ambientação. Tais lugares são os Setores Restritos. Se arriscar a entrar em um setor de uma facção rival ou espionar um lugar privado pode ser uma aventura potencial – e letal!

Viajar através da Teia é possível através dos grids, linhas de energia que atravessam o espaço. Parecendo-se muito com tubos, esses grids atravessam setores, espaços e levam a todos os cantos da Teia Digital. Sabendo localizar-se em um grid, é possível viajar quase instantaneamente a qualquer lugar, ainda que a maioria dos grids atravesse muitos setores, fazendo a viagem ser pausada uma ou outra vez pela necessidade de atravessá-los.

Magos que se aventuram muito na Teia (notadamente os Adeptos da Virtualidade) acabam, mais hora ou menos hora, aprendendo o Conhecimento Espaço Virtual, o que os ajuda a se localizar mais facilmente nos grids e a encontrar os setores onde quer chegar.

Acesso Adormecido

Para os Adormecidos, a ideia de um mundo existente apenas no virtual é uma bobagem imensa. Mal sabem eles, no entanto, que a Internet que usam hoje é parte integral dessa Teia Digital. O acesso é extremamente limitado, mas pode ser observado por Despertos nos setores onde sua presença se faz, especialmente na forma de texto. A interação é possível, ainda que forçar os limites da realidade Adormecida vá possivelmente causar um Paradoxo infernal… que nunca é bonito na Teia, principalmente pelo grande risco de se causar um Branqueamento – uma manifestação do Paradoxo específica da Teia, em que o Choque de Retorno varre setores inteiros, detonando tudo o que encontra ao redor e tornando tais setores apenas indisponíveis por um tempo na melhor das situações.

Lugares importantes

  • Arquivos Empilhados
  • Lugares Assombrados
  • Lixeiras
  • O Legado do Espião
  • Setor do Lixo
  • Setores Suspensos
  • Sites de Sexo
  • Zonas de Guerra
  • Zonas de Realidade Virtual Seguras e Restritas (TechnoTurf)

Fontes: Digital Web, Digital Web 2.0
Autora: Emi
Colaboradora/revisora: Eva

Sobre Colaboração

Artigos publicados por leitores ou ex-autores do blog, que gentilmente colaboraram conosco ao longo dos anos. Artigos de opinião não necessariamente expressam a opinião das autoras do blog; traduções e resenhas têm suas informações checadas.

Ver mais artigos de